Pular para conteúdo
Relações com Investidores

Sustentabilidade Empresarial

Práticas de Gestão
 
Os valores da Cielo refletem a preocupação da companhia com seus públicos de interesse.
 
• Integramos a carteira do Índice Dow Jones de Sustentabilidade da Bolsa de Nova Iorque (DJSI), que reconhece as empresas com as melhores práticas de sustentabilidade em todo o mundo.
Integramos, desde 2014, a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da BM&FBovespa - reconhecimento que atesta as boas práticas de gestão e governança corporativa da companhia. Listada Novo Mercado da BM&FBovespa desde 2009.
Somos signatários do Pacto Global da ONU. Anualmente reafirmamos nossa adesão e apresentamos os progressos, com as ações empreendidas nas áreas de direitos humanos, trabalho, meio ambiente e práticas anticorrupção.
Desde 2013, publicamos nossos relatórios de sustentabilidade, norteados pelas diretrizes da Global Reporting Initiative (GRI), que são auditados por terceira parte independente.
Promovemos a diversidade, uma vez que nossas diretrizes preveem ações como a inclusão de companheiros de mesmo sexo nos planos médico e odontológico e a adoção da valorização da diversidade como critério de seleção de jovens para o Programa de Aprendizagem.
Contamos com um Comitê de Sustentabilidade que se reporta ao Conselho de Administração, contribuindo para a melhoria contínua do perfil de sustentabilidade da Cielo.
 
Social
 
A Cielo investe em projetos sociais por meio de leis de incentivo, tais como Lei Rouanet, Lei Federal de Incentivo ao Esporte, FIA (Fundo da Infância e Adolescência), PRONON (Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica), Lei do Idoso e PRONAS/PCD (Programa Nacional de Apoio à Atenção da Saúde da Pessoa com Deficiência). O investimento em projetos sociais possui os seguintes focos:
 
•    Inovação: Garantir o apoio e implementação de soluções inovadoras para problemas sociais
•    Empreendedorismo: Estimular o potencial empreendedor, apoiando o desenvolvimento de competências e impulsionando o protagonismo
•     Movimento: Movimentar a transformação e a inclusão social, ampliando o acesso de públicos mais vulneráveis a atividades culturais, esportivas e educacionais
 
Meio Ambiente
 
Uma empresa sustentável é feita por práticas conscientes no dia a dia
 
As atividades da Cielo não provocam impactos significativos no meio ambiente. Contudo, a partir da Matriz de Avaliação de Impactos Ambientais, identificamos aspectos ambientais das nossas operações e processos, que devem ser gerenciados.
Estabelecemos um monitoramento sistemático e medidas para reduzir nossos impactos ambientais:
    • A Cielo realiza o descarte adequado de equipamentos obsoletos, de acordo com a regulamentação dos órgãos ambientais competentes;
    • A companhia mantém programas de coleta seletiva e de disposição responsável de resíduos nas atividades administrativas;
    • Reutiliza água captada da chuva e monitora o consumo de água;
    • Faz uso racional de energia elétrica;
    • Com foco nos colaboradores, promove campanhas voltadas ao consumo consciente e às atitudes de valor, envolvendo a qualidade das relações e a conservação de recursos, além da gestão de impactos como princípios de atuação profissional;
    • Estabeleceu metas de redução do consumo de água, energia e das emissões de gases de efeito estufa:
 
 

METAS 2017

Manter o consumo de agua em até 10 litros por pessoa/por dia na sede**

Reduzir 1% das emissões diretas de GEE – Escopo 1*

Reduzir 1% do consumo de energia elétrica na sede – Escopo 2*

Reduzir 5% da quilometragem percorrida para atendimento de troca de máquinas POS e envio de bobinas, contribuindo para mitigação das emissões indiretas de GEE – Escopo 3*

 
          *Ano base 2016.
          ** Meta Estabelecida para o prédio da Matriz em Alphaville - Barueri
        
 
 
 
Estratégia de Mudanças Climáticas
 
Buscamos reduzir nossa contribuição às mudanças climáticas por meio de uma estratégia de atuação baseada em 4 eixos:
 
1. Avaliação dos impactos: análise dos riscos ao negócio em decorrência das mudanças climáticas e elaboração do Inventário de Gases de Efeito Estufa de acordo com a metodologia do Programa Brasileiro GHG Protocol, visando identificar as principais fontes de emissão e mapear as oportunidades de melhoria para redução das emissões;
 
2. Redução das emissões: implementação de melhorias e processos visando a redução das emissões, tais como redução das viagens internacionais e disponibilização de ônibus fretados para os funcionários, além do estabelecimento de metas públicas de redução das emissões;
 
3. Compensação das emissões de gases de efeito estufa não evitadas: escopos 1 e 2, por meio da compra de créditos de carbono de projetos que promovam geração de renda, benefícios sociais e à biodiversidade;
 
4. Articulação e compromisso com a transparência: participação em discussões sobre políticas públicas que contribuam para uma economia de baixo carbono e divulgação das informações sobre nossas iniciativas em relação às mudanças climáticas por meio do Carbon Disclosure Project, Índice de Carbono Eficiente da BM&FBovespa e do Registro  Público de Emissões do Programa Brasileiro GHG Protocol.